DEPARTAMENTO DE ECONOMIA - DEC

Campus Avançado de Pau dos  Ferros - RN

O Curso de Ciências Econômicas da Faculdade de Ciências Econômicas de Mossoró – FACEM, da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte – UERN, foi institucionalizado em 1960, sendo instalado oficialmente em 19 de dezembro de 1960. O primeiro vestibular para o Curso de Ciências Econômicas foi realizado em 1961. Além do Curso de Ciências Econômicas, integram a FACEM-UERN, os cursos de Administração e Ciências Contábeis.

A FACEM foi a escola de formação de economistas do estado do Rio Grande do Norte a obter reconhecimento perante o Ministério da Educação, através do decreto nº 62.348, de 05/03/1968 do Conselho Federal de Educação.

O Curso de Ciências Econômicas da FACEM-UERN é ofertado no Campus Central da cidade de Mossoró nos turnos matutino e noturno, e nos Campi Avançados das cidades de Assu e Pau dos Ferros, no turno noturno, bem como em caráter relativo no Núcleo Avançado de Ensino Superior de Umarizal – NAESU, no Estado do Rio Grande do Norte. Deve-se notar ainda que o raio de abrangência alcança diversos outros municípios do Estado do Rio Grande do Norte e também dos estados do Ceará e Paraíba. Assim entendido, o Curso de Ciências Econômicas está inserido em uma extensa faixa territorial descontínua e alcança um aglomerado populacional estimado que ultrapassa os 600 mil habitantes. A terça parte desta população encontra-se em Mossoró, cidade-pólo do Rio Grande do Norte.

A trajetória do Curso de Ciências Econômicas, do ponto de vista da estrutura curricular, é similar a outros Cursos de Economia existentes no Brasil. A mudança mais recente, e também mais substantiva, teve como fundamentos a Resolução 11/84 do Conselho Federal de Educação - CFE e o parecer 375/84 do Professor Armando Dias Mendes.

O currículo de Ciências Econômicas vigente na FACEM-UERN foi implantado através da Resolução 08/88 de 22/07/1988 do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão - CONSEPE / UERN.

As transformações operadas ao longo dos 19 anos de vigência do atual currículo de economia, tanto no mundo da economia propriamente dito, quanto no fazer da ciência, além das mudanças institucionais, em particular a nova Lei de Diretrizes da Educação Nacional - LDB (Lei nº 9.394/96) exige modificações na estrutura do Curso de Economia. Contudo, deve-se ressaltar que a necessidade de adequação-atualização da Grade Curricular do Curso de Ciências Econômicas parece derivar, em certa medida, mais da forma rígida como se processou a sua implantação e das mudanças institucionais recentes, do que as bases da sua última reformulação. Nesse aspecto, a Resolução 11/84 do CFE e o parecer 375/84 estão passíveis de mudanças, permanecendo ainda como referenciais para se pensar diretrizes curriculares que contemple uma formação profissional consistente, em sintonia com as grandes transformações pelas quais passam o mundo contemporâneo, em particular a economia: como domínio das relações privadas, inseparáveis do todo social, de um lado; como ciência com identidade própria e prática profissional, por outro.

Desde a implantação do curso de Ciências Econômicas, até o momento (semestre 2007.1), o Curso de Ciências Econômicas – UERN formou 1.947 bacharéis em economia, considerando os formados nos três Campi da instituição. O funcionamento deste curso é coordenado pela Faculdade de Ciências Econômicas e as atividades acadêmicas são desenvolvidas nos turnos matutino e noturno, as quais envolvem atividades de ensino, pesquisa e extensão.

 

 

 

 

 

BREVE HISTÓRICO DO CURSO

UERN